Teste: Pânico

Teste: Pânico

Teste: Pânico

Aviso! A cópia não autorizada dessa avaliação está sujeita às penas da lei!

ATENÇÃO! Essa avaliação foi elaborada pela psicóloga ©Olga Tessari e está registrada de acordo com a Lei dos Direitos Autorais. Caso você queira publicar esse teste ou fazer uso dele no seu trabalho, é preciso entrar em contato com ela para autorizar o seu uso.

Essa avaliação não substitui aquela que é realizada com um psicólogo em consultório ao vivo. Ela serve apenas para verificar a possibilidade de você apresentar o problema correspondente a ela. Lembre-se de que é apenas uma possibilidade!

Para ter certeza de que você sofre com o problema, procure um/a psicólogo/a de sua confiança em sua cidade, marque uma consulta para que o/a profissional possa avaliar você de forma mais específica e fidedigna ou, se quiser, marque uma consulta comigo.

Teste: Pânico / Avaliação de Pânico

Esta é uma lista com os critérios atuais para se detectar um quadro de ataque do pânico.

Assinale os itens com os sintomas que você tem:

– Palpitação, taquicardia ou sensação de que o seu coração parece que “vai saltar do peito”

– Transpiração intensa

– Tremores

– Respiração “curta” ou entrecortada, sensação de que vai faltar o ar

– Sensação de sufocamento

– Dores ou mal estar no peito

– Náuseas ou mal estar abdominal

– Sentir-se instável, extenuado, com a “cabeça vazia”

– Enjoos ou vertigens

– Sensação de terror, de irrealidade, um desapego de si mesmo

– Medo de perder o controle, de ficar “louco”

– Medo intenso de morrer ou de ter um infarto

– Câimbras, formigamentos, entorpecimento, sensação de paralisia nos membros

– Calores ou calafrios

Resultado: 

Se você assinalou 4 (quatro) ou mais dos itens acima, sem uma condição médica que os justifique, você pode estar apresentando um quadro de ataque de pânico.

Uma crise de pânico pode durar vários minutos e é uma das situações mais angustiantes e desesperadoras que uma pessoa pode experimentar na vida. A grande maioria das pessoas que tem uma crise de pânico terá outras se não fizer o tratamento adequado. E passará a sofrer do medo de ter uma nova crise!

Em geral, quem tem pânico, fica condicionado a achar que vai morrer quando a crise começa. Resultado: quando a pessoa sente pequenos sintomas que lembram a crise, ela já é dominada por esse medo, sua ansiedade se eleva em demasia, o que acaba provocando novamente uma outra crise completa de pânico.

Saiba que existem tratamentos que promovem uma efetiva melhora e controle sem esforço, de forma que seus sintomas desapareçam!

É preciso tratar as causas que provocam o pânico e que estão relacionadas à elevação do nível da ansiedade acima do patamar normal e aceitável que não traz sofrimento algum Vale dizer que o pânico nada mais é do que uma crise muito forte e muito intensa de ANSIEDADE.

A ansiedade vai se elevando e, aos poucos, acaba superando o limite aceitável do nosso organismo e do nosso emocional: nesse momento, surge a crise do pânico. (Leia aqui neste site o texto que explica melhor o que é ANSIEDADE).

O sucesso do tratamento está diretamente ligado ao engajamento do paciente com o mesmo. É essencial que a pessoa que sofre pânico entenda todas as peculiaridades que envolvem este mal e siga o tratamento até o final para obter resultados duradouros!

É importante salientar que o pânico não é loucura, nem “frescura”.

Procure tratamento especializado: um psicólogo e um médico o orientarão sobre as medidas necessárias para acabar com esse problema!

Procure um profissional psicólogo de sua confiança ou então marque uma consulta comigo (presencial ou online) para fazer uma avaliação mais específica do seu caso.

Faça outras avaliações:
AmizadeAnsiedadeBulimia/AnorexiaDepressãoEstresseMedo de DirigirTimidezTraição

62

Siga Olga Tessari nas redes sociais: Facebook – Youtube – Instagram – Twitter – Linkedin

Olga Tessari

Olga Tessari, Psicóloga (CRP06/19571), formada pela Universidade de São Paulo (USP), pesquisa e atua com novas abordagens da Psicologia Clínica, em busca de resultados rápidos, efetivos e eficazes, voltados para uma vida plena e feliz. Ama o que faz e segue estudando muito, com várias especializações na área. Também é escritora, autora de 2 livros e coautora de muitos outros. Realiza cursos, palestras e workshops pelo Brasil inteiro, apontando caminhos para ser feliz.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *